Adoção do IPv6 cresceu… mas esqueceram dos e-mails

Fato! IPv6 não está pronto para e-mail marketing!

Existe um movimento bacana em prol da adoção do IPv6 “estruturas afora” mas, para o ecossistema de e-mails, a coisa está muito aquém do que achei que estaríamos em 2014. Tudo bem que o movimento “World IPv6 Launch“, talvez o mais legal de todos, só ganhou vida em 2012, mas essa onda está aí para ser surfada a algum tempo. E até agora nada! Tudo muito devagar… para os e-mails! A adoção é muito maior quando pesquisamos serviços Web e DNS. Porque? Segurança?

Dois sites muito legais sobre o assunto são:

  • IPv6.br: Nosso recurso pt-br com muita informação legal;
  • Google IPv6: Logo de cara vemos um mapinha bem informativo mostrando o quão pequeno ainda é a adoção da tecnologia.

Bem, o que me levou a escrever esse post foi um pedido de um “amigo-cliente” que, ao estruturar uma nova operação comercial, me pediu para especificar e montar a estrutura de servidores para a parte de e-mail marketing do negócio e disse estar interessado em usar IPv6 para enviar e-mails. Ele me mandou o link de um site que eu já havia visto em outro momento, quando pesquisava sobre a adoção do novo endereçamento em serviços de internet. O site, www.vyncke.org/ipv6status/ é um recurso muito bom também e foi por ele que concluímos que pouquíssimos ISPs e até mesmo grandes grupos de pesquisa, governo etc que, nos meus pensamentos, deveriam fomentar a adoção, ainda não adotaram. Algumas consultas abaixo nos dão uma fotografia melhor do que está acontecendo. Basta clicar nos links:

  1. Para os serviços de e-mail, o Google domina com IPv6 nos EUA;
  2. Já no Brasil…. Google de novo nos e-mails;
  3. O país com a maior taxa de adoção do IPv6 nos e-mails é a Líbia! Mas só porque todo mundo usa o Google;
  4. Uol, Bol, Terra, Ig, Hotmail, Yahoo, esse pessoal “ainda” não adotaram IPv6 em seus servidores de e-mail. Por isso, se você não pretende enviar e-mails apenas para sites que usam Google Apps e o próprio Gmail, não acho interessante nem necessário adotar IPv6.

 

One thought on “Adoção do IPv6 cresceu… mas esqueceram dos e-mails

  1. Creio que esse movimento deveria e poderia ser fomentado em nossas universidades Federais e Estaduais, através de seus laboratórios e professores.
    Até onde acompanho, e por colegas que frequentam tais locais, o IPv6 ainda não foi adotado, e parece nem ser cogitado a curto prazo.
    Teremos que nos apoiar em nós mesmos, e trilhar o caminho aqui no País que ainda é como selva a ser desbravada.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>